Bem-Estar

Viagem de avião: confira truques para proteger a pele, lábios e cabelos

Viajar de avião é entrar em contato com o ar seco a bordo e isso pode maltratar a sua pele. A água contida na camada exterior, na epiderme, evapora para o ar ambiente e pode agravar as condições de quem já tem infecções na pele. O primeiro sinal de alarme é uma coceira leve. “Em viagens, inevitavelmente, a pele acaba sofrendo por conta de variações de temperatura e o resultado é o ressecamento em viagens de avião, por exemplo. Neste caso, é importante não abrir mão da proteção e cuidados essenciais”, afirma a dermatologista Dra. Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da American Academy of Dermatology (AAD). A médica dá alguns truques para chegar ao destino sem problemas na pele, cabelo e lábios:

Pele – Muitas pessoas não sabem, mas é essencial hidratar muito a pele para as viagens de avião. Antes de decolar, o recomendável é aplicar uma boa camada de hidratante no rosto e nas mãos, além de creme para a região dos olhos, para evitar o ressecamento. “Quanto a viagens longas (mais de 6 horas), borrife água termal no rosto, por várias vezes, isso ajuda a manter a pele hidratada contra o ar seco dentro da aeronave. Não se esqueça de retirar a maquiagem durante o voo, antes de dormir e procure descansar o máximo possível, para evitar a aparência do jet lag, tão comum em percursos longos. Quando estiver a uma hora do seu destino, higienize novamente a pele, hidrate e aí sim os BB creams e maquiagens são bem-vindos. E é importante lembrar de beber muita água. O ideal é tomar uma garrafinha por hora no avião”, recomenda Dra. Claudia. O uso de hidratantes que ajudem a manter a função de barreira da pele como Hyaxel e Pro Barrier Repair é uma recomendação importante”, afirma a dermatologista. Para não chegar ao seu destino com bolsas nos olhos, evite ingerir alimentos salgados e os gordurosos também. Mas, caso eles inchem, aplique um creme específico para a área com ingredientes contra a inflamação.

Lábios – Região sensível, os lábios precisam de generosas camadas de hidratante, protetor labial ou lip balm, que devem ser reaplicados a cada hora ou toda vez que sentir o lábio mais seco ou após comer. Caso uso batons, prefira aqueles com ingredientes hidratantes e que ajudam a afastar as rachaduras, evitando ao máximo também os batons de textura mate dentro do avião.

Cabelos – O ressecamento também afeta e muito os fios. A baixa umidade e o fato de estar o tempo todo com a cabeça encostada no banco colaboram para atrapalhar a beleza dos cabelos. Se preferir prender, faça um coque alto, para não atrapalhar o cochilo. Caso contrário, tenha em mãos um leave-in hidratante ou a própria água termal.

E ao chegar ao destino, lembre-se: exposição solar é importante para a produção de vitamina D, mas não pode haver exageros. O ideal é se expor ao sol antes das 9h e após as 16h, mas sem abrir mão da proteção solar com filtros físicos, mesmo na sombra. “O indicado é utilizar filtro com FPS a partir de 50 e reaplicar o produto a cada duas horas, inclusive um específico para os lábios. Pessoas com pele clara devem ter cuidado extra, em relação à proteção, mas pacientes de pele negra também não podem deixar de usar o filtro solar”, finaliza a médica.

Gostou Compartilhe