Bem-Estar

Do chão ao teto: a mistura de pilates com balé

Um é no chão, dois um passo acima, no terceiro já está nas alturas, no quarto e no quinto já dá para alcançar o teto! Imagine agora os exercícios de pilates feitos em cima de uma barra de balé com 5 níveis de altura. É assim a Barre Plus, uma barra diferenciada, que permite inúmeras possibilidades e variações de movimentos que vão do solo até o teto.

“Os exercícios são realizados em diferentes planos, pois ela possui 5 níveis: 2 nos planos baixo, 2 no médio (barra de balé convencional), 1 no plano alto e um no plano aéreo”, explica a idealizadora do Ballet Pilates (modalidade que mistura movimentos leves da dança unido com a força do método de Joseph Pilates) Audrea Lara.

A barra é bem versátil, pode ser utilizada como apoio, como acessório para desenvolvimento de força, flexibilidade e ainda fixar tecidos acrobáticos e uma barra móvel de madeira que se liga a um elástico (o Stick). “A ideia é fornecer segurança em primeiro lugar e depois então proporcionar leveza e força ao mesmo tempo na execução de cada exercício. O resultado é um aumento da flexibilidade, da mobilidade e uma aula totalmente lúdica e diferenciada”, completa a profissional de educação física Audrea Lara.

Gostou Compartilhe