Bem-Estar

Conheça os ídolos e os objetivos do campeão brasileiro de fisiculturismo

O fisiculturismo é um esporte que exige força, empenho e muita dedicação e, assim como em toda modalidade, os ídolos são peças fundamentais para os que ainda estão começando a carreira. No caso de Alan Costa, um dos jovens talentos do fisiculturismo nacional e campeão do Arnold Classic, os títulos vieram graças ao seu empenho pessoal, mas também por causa de como se espelhou em outros “gigantes” da musculação.

“Me espelho muito no Felipe Franco, porque foi um atleta que tornou nossa categoria Men’s Physique mais conhecida no Brasil após ganhar diversos títulos e se profissionalizar. Atualmente, ele é um dos atletas profissionais com maior destaque no Brasil, acho que ele serve de inspiração para muita gente”.

Alan também falou sobre suas referências durante sua curta mas extremamente vitoriosa carreira no fisiculturismo. “Minhas referências no esporte são para mim minha maior motivação. Uma delas é meu antigo treinador Jonas Alves, foi ele quem me fez ver o fisiculturismo como um estilo de vida. Também tenho como referência meu atual treinador, Alex Santos. Eles fazem de tudo para o crescimento do esporte e fazem isso por amor”.

Com o título do Arnold Classic, Alan conseguiu o “convite” para se tornar profissional, algo que muitos atletas de alto nível buscam desde o início da carreira. Agora, a meta é crescer ainda mais e alcançar objetivos que antes pareciam inalcançáveis.

“Agora que consegui o meu Pro Card (acesso ao profissional) preciso de toda a dedicação possível, exigir mais de mim para conseguir grandes objetivos. Irei competir contra os melhores atletas do mundo, então com certeza vou dar sempre o máximo para subir em uma competição e brigar pelo título”.

Para Alan, o seu maior desejo é subir no palco do Mr. Olympia, principal competição de fisiculturismo do mundo. Neste ano, o campeão da categoria Men’s Physique foi Brandon Hendrickson, quebrando a hegemonia de quatro anos de Jeremy Buendia. Com o foco nesses momentos, Alan sonha em estar no mesmo palco que eles num futuro não tão distante.

“O Mr.Olympia é o sonho de todo fisiculturista, pisar naquele palco com os melhores atletas da atualidade, acho que seria meu maior objetivo. E, se Deus quiser, em 2002 estarei competindo naquele palco”, finalizou.

Veja dicas de treino para quem ainda está começando na academia

* De Estevam Chaparin

Gostou Compartilhe